As igrejas “gémeas”

As igrejas “gémeas”

Ficam lado a lado, separadas por uma casa estreita, que chegou a ser habitada. As igrejas do Carmo e das Carmelitas parecem uma só, mas têm histórias muito diferentes.

Entre estas duas igrejas fica o edifício mais estreito da cidade, que dá acesso à torre sineira. No entanto, para lá chegar, é necessário subir três andares e passar por cima da abobada da igreja das Carmelitas.

A Igreja das Carmelitas foi a primeira a ser construída e fica junto ao antigo Convento de Nossa Senhora do Porto (atual quartel da GNR). É uma igreja do século XVII, com uma fachada clássica, mas um interior riquíssimo, em talha rococó portuense. Foi a primeira casa dos monges da ordem das Carmelitas Descalças. A primeira pedra foi lançada a 5 de Maio de 1619 e a obra ficou concluída em 1622.

A Igreja do Carmo é mais recente, datando da segunda metade do século XVIII. Assim, o estilo rococó (caracterizado por uma enorme profusão de detalhes decorativos) está bem mais patente, tanto na arquitetura exterior como no interior. Os azulejos que cobrem a fachada lateral foram colocados em 1912. São da autoria de Silvestre Silvestri e são alusivas ao culto de Nossa Senhora.

(Visited 210 times, 1 visits today)
5 Dezembro, 2017 / ,
Comments

Comments are closed here.

Publicidade
 Instagram #heyporto
  • A Cantareira  local de passagem de muitos caminheiroscaminhodesantiago caminheiros
  • azulejos azulejosportugueses azulejoportugus azulejosantigos tiles tileslover oldtiles tilesportuguese heyporto
  • Vero na Fozporto portolovers portoenorte portoblog porto fozdodouro portofoz lovefoz
  • Vitral da igreja do Cristo Rei porto igrejasdeportugal igrejaspelomundo igrejasecapelas
  • Na Mercearia Cerdeira ainda  assimporto portoblog portoencanta portoantigo lojasantigasportugal
  • Uma resistente do comrcio tradicional da Invictaporto portoblog portoenorte portoencanta
Subscreva a nossa newsletter!