Cadeia da Relação vai ser Monumento Nacional

Cadeia da Relação vai ser Monumento Nacional

Cadeia da Relação vai ser Monumento Nacional

O histórico edifício, que desde 2001 é a casa do Centro Português de Fotografia, vai ser classificado como Monumento Nacional.

A construção foi concluída em 1796 e desde então, o imponente edifício, situado em pleno Centro Histórico, bem perto da Torre dos Clérigos, já teve várias utilizações, tendo sido um tribunal, mas também uma prisão.

Foi nesta cadeia que o famoso escritor português Camilo Castelo Branco escreveu a sua obra mais famosa, “Amor de Perdição”, em 1861. O escritor cumpria pena por adultério e baseou-se na história do seu tio, Simão Botelho, que também ali tinha estado preso e que, tal como as personagens do livro, tinha vivido uma história de amor trágica e proibida, que o levaria à morte.

Pela cadeia passou também Zé do Telhado, uma espécie de Robin Hood do século XIX, que, segundo a lenda, roubava aos ricos para dar aos pobres.

A Cadeia da Relação foi reabilitada, num projeto da autoria dos arquitetos Eduardo Souto Moura e Humberto Vieira.

13 Março, 2017 /
Comments

Comments are closed here.

Publicidade
 Instagram #heyporto
  • HeyPorto PalaciodeCristal
  • HeyPorto PalacioDaBolsa
  • HeyPorto Rabelos Rio Douro
  • Living room details restored XIX century boat sofa bed t1boavistaapartmenthellip
  • heyporto peephole architecture concrete tidalswimmingpool
  • heyporto lisbon firstday
Subscreva a nossa newsletter!